-

terça-feira, 30 de junho de 2020

Dante XXVI – Paraíso – Rosa Mística e Empíreo

Acabei a Divina Comédia de Dante.... e publiquei em alguns Cantos.


Canto XXVI – Paraíso – Rosa Mística e Empíreo

Quando saíram do Móbil Primeiro
Dante sentiu melhorar-lhe a visão,
E no Empíreo, se entregou por inteiro

Ao assombro da prima Criação.
Deus, inda Luz em todo seu Esplendor,
Quem O olha ganha Paz de antemão.

Da Rosa Mística, em pleno fulgor,
Em seu centro, está a Virgem Maria.
Nas pétalas dessa sagrada Flor,

Milícia de Beatos na alegria,
Já com as faces que os corpos terão
No Juízo Final que os inebria.

Outra em constante feliz evolução,
A dos Anjos em perpétuo doar
O que foram receber na ascensão

Ao Pai, em firme vaivém singular.
Quem agora aparece é São Bernardo.
Beatriz se dirigia ao seu lugar

E o pôs a orientar o felizardo,
Ao final de seu glorioso caminho,
Livrando a beata do feliz fardo.

E Dante a vê em seu divino ninho
E lhe dirige um agradecimento
Por ter-lhe abençoado com carinho

Na sua jornada de salvamento.
São Bernardo segue em sua lição,
De apresentar a Dante o ajuntamento

De beatos, em santa profusão,
Circundando a Virgem Maria em luz.
Ao lado esquerdo se coloca Adão,

E no direito, Pedro, a quem Jesus
Deu as chaves de nossa Santa Igreja,
À frente, com a glória de quem conduz

Um povo inteiro à terra benfazeja,
Está Moisés, e ao lado o Evangelista
João, a quem sua caridade enseja

Aquela declaração imprevista
De Jesus: “Mulher, eis aí teu filho!”
“Eis aí tua Mãe!”, por todos vista

Na Cruz, todo ferido e maltrapilho.
Inda no sacro redor, Santa Ana
E Santa Luzia, quem dá o brilho

Aos olhos de quem tem a vista insana.
Aos pés da Virgem está a bela Eva
Ainda com a luz de primeira humana

De antes de levar todos à treva.
E lhe seguem Raquel, Judite e Rute,
Outras mulheres que Jesus eleva,

Lá no mais inferior azimute,
Salvando-as do Limbo do Inferno,
Decisão certa, que não se discute.

Mais abaixo, o contemplativo terno
São Francisco, Bento e Santo Agostinho.
E fechando da lição o caderno,

São João Batista, a cabeça no ninho.
E então, São Bernardo pede a Maria,
Em seu novo papel de bom padrinho,

Que conceda a Dante a sã alegria:
Conhecer o mistério da Trindade!
Sua visão clareia qual magia,

E ele vê, com imensa potestade,
Os três círculos de cores variadas,
No mesmo espaço, e mesma irmandade,

O Espírito Santo em firmes jorradas
De fogo sobre os dois primeiros pares,
E o Filho com imagens espelhadas

No Pai, contendo os dois, humanos ares,
Imagem, Semelhança, pode crer.
Em homenagem, cá as singulares

Últimas terças de Dante, a saber:
“Até que minha mente foi ferida
Por um fulgor que cumpriu seu querer

À fantasia foi minha intenção vencida
Mas já a minha ânsia, e a vontade volvê-las
Fazia, qual roda igualmente movida


O Amor que move o Sol e as mais estrelas”


segunda-feira, 29 de junho de 2020

Salve o Engenheiro de Petróleo


Portal CREA-SP - Notícias - 29 de junho - Dia do Engenheiro de ...Era um clima hospitaleiro!

Era um sonho comum!

Era 5 de fevereiro!

Era 1981!



Dia de Santos queridos,
O 29 de junho
É um de poucos sabido.
E por ele aqui me empunho!


Todo mundo já sabia

Que água pesa mais que óleo;

Quase ninguém, que era o dia

Do Engenheiro de Petróleo!



Já são 39 anos,

Trago a imagem comigo:

Muita ilusão, muitos planos,

Cada um trazia consigo.



Éramos mais de duzentos,

Com cabelo e sem barriga,

Movidos aos quentes ventos

Da capital mais antiga.



Era gente de todo lado

Formando um grupo complexo.

Por vezes equilibrado,

Com exceção do tema sexo...



Nossa conta era a seguinte,

Da engenharia era o hino:

Relação de 1 pra 20!

Pouca caixa e muito pino! (1)



O dia era ensolarado.

Marazul ou Praiamar. (2)

Pondo as exceções de lado,

Viemos para ficar.



Chegamos humildes, quietos

Pra aprender um novo mundo,

Nova língua, um dialeto,

Conhecimento profundo.



Morreu no primeiro dia

Um mito que engana o mundo:

Que o petróleo então dormia,

Em lagos bem lá no fundo.



Geologia para engenheiros ...

Difícil aprender a lição.

Pois nos deixava cabreiros

Com tanta imaginação.



A gente nem entendia direito,

E pior, vinha o Girão! (3)

E se ria do seu jeito,

Falar Rausgama, Neutrão. (4) (5)



Pra ensinar Processamento,

Zé Alves, falar ‘sólene'. (6)

E tinha que estar atento

Pra entender a UPGN. (7)



Senão o Otto, era o Lima. (8)

Tentando nos convencer

"Perfurar está por cima:

Cê num vai se arrepender!"



A turma foi dividida:

Uns pra lá, outros pra cá,

Uma decisão pra vida,

Quase sem poder voltar.



Cada um teve um destino

No curso e na profissão.

Sul, Sudeste ou Nordestino,

Na Técnica ou Gestão.



Provimos o crescimento

De uma empresa sem igual,

Que valia monumento,

Mesmo antes do Pré-Sal.



Pena que uns sem-vergonha

Quase acabaram com tudo...

A situação é medonha,

Mas petroleiro é cascudo!



Aos engenheiros ou ex,
Muita luz em seu caminho.
Sigam com jeito cortês
Neste mundo em desalinho.



Repito desejo expresso

Para o futuro que virá!!

Sorte, Saúde, Sucesso,

E Sossego e .... Saravá!
________________________________________________

P.S: Para quem não é da turma, ou do ramo

(1) Caixa e Pino: Apelidos das roscas de tubos, a primeira interna que recebe o tubo de trás, e a segunda externa que penetra o tubo seguinte, daí, a associação, entende?
(2) Marazul e Praiamar: nomes dos hotéis da orla de Salvador que receberam a maior parte dos 200 novos petroleiros
(3) Girão: professor da matéria Perfilagem de Poços
(4) Raosgama: como o Girão chamava o perfil Raios Gama
(5) Neutrão: como o Girão chamava o perfil Nêutron
(6) Zé Alves: professor baiano, de Processamento de Fluidos
(7) UPGN: Unidade de Processamento de Gasolina Natural
(8) Otto e Lima: professores da matéria Perfuração de Poços


Homerix com Paul In Rio



(este texto agora faz parte da Paul Week, 
em comemoração de  aniversário de Paul McCartney - 78 anos ) 

Na noite de Paul McCartney, público carioca faz show à parte no ...Paul McCartney esteve no Rio em 2011

Aqui, meus 7 posts sobre o inesquecível evento no Engenhão!




1. A Chamada

http://blogdohomerix.blogspot.com.br/2011/04/paul-in-rio.html


2. A Expectativa

http://blogdohomerix.blogspot.com.br/2011/04/sera-que-algum-dia-eles-vem-ai.html



3. O Dia

http://blogdohomerix.blogspot.com.br/2011/05/hoje-e-dia-de-paul.html


4. A Logística

http://blogdohomerix.blogspot.com.br/2011/05/um-dia-de-paul.html


5. A Experiência

http://blogdohomerix.blogspot.com.br/2011/05/10-horas.html


6. O Show - Parte 1

http://blogdohomerix.blogspot.com.br/2011/05/como-vinho.html


7. O Show - Parte 2

http://blogdohomerix.blogspot.com.br/2011/05/10-nota-10.html



Mais textos da Paul McCartney Week no link abaixo: