-

quarta-feira, 30 de março de 2011

O Rei e o Presidente


 
Quando Lula foi diplomado Presidente da República, ele propiciou uma cena emocionante, quando se lembrou de que tantos o criticavam por não ser letrado, por não ter curso superior, e disse, chorando:  “Ganho meu primeiro diploma, o diploma de Presidente da República do meu país”, em discurso que se tornou célebre.

Ele recebeu o diploma, antes de se tornar doutor.

Agora, ele já é!

Em Coimbra, Lula foi receber seu título de Doutor Honoris Causa, com direito ao tradicional ritual de caminhar por sobre o manto dos alunos e a receber o seu próprio, vermelho.  E bota tradição nisso!!! A Universidade de Coimbra foi inaugurada há 721 anos, isso mesmo, em 1290!!

E Coimbra lembrou-me de um momento mágico de minha infância: meu primeiro contato com a Jovem Guarda, aos 7 anos de idade.

O disco 'Jovem Guarda' de Roberto Carlos tocava dia e noite em minha vitrola, na época em que discos tinham dois lados, e que usava-se uma agulha para tocá-los.

Conhecia cada detalhe de todas as canções. 

Lado A

  1. "Quero Que Vá Tudo Pro Inferno"
  2. "Lobo Mau"
  3. "Coimbra" 
  4. "Sorrindo Para Mim"
  5. "O Feio"
  6. "O Velho Homem Do Mar"

Lado B

  1. "Eu Te Adoro Meu Amor"
  2. "Pega Ladrão" 
  3. "Gosto Do Jeitinho Dela"
  4. "Escreva Uma Carta Meu Amor"
  5. "Não É Papo Pra Mim"
  6. "Mexerico Da Candinha"
Na época, nem ligava quem eram os compositores. Só agora sei que somente três das 12 canções eram compostas por Roberto (e Erasmo), mas isso não importa nem um pouco. O disco é muito bom.

Começando por Roberto esbravejando "Quero que você me aqueça neste inverno e Que Tudo mais Vá Pro Inferno", canção que ela não toca há decadas, de jeito nenum, supersticioso que é. Acha que vai dar azar.

Na segunda, 'Lobo Mau', uma versão de um rock americano, ele declara que "Eu sou do tipo que não gosta de casamento". E confirma a aversão na penúltima, que é dele, dizendo: "pois casamento, enfim, 'Não É Papo Pra Mim'". Na última, também de sua autoria, ele reclama dos 'Mexericos da Candinha', uma cronista de fofocas da época, que "gosta de falar de mim em tudo, diz que eu sou doido, esquisto e cabeludo".

As melosinhas, romatinquinhas, A4 e B1, B3 e B4, hoje eu relego a um segundo plano, mas as demais seguem em altíssimo nível, no meu conceito.

Duas das músicas mais queridas do disco, hoje sei que eram de um certo Getúlio Cortes, que me faziam rir, sempre: 'O Feio', "...e é 54, 54, o número de seu sapato, ele é écomprido e até, parece um toco quando esta de pé, careca e bem sisudo, caramba, fala baixo também é bicudo", e "estava com um broto no portão, tapchura, quando ouvi dizer 'Pega Ladrão' tapchura".

E eu chorava com a letra de 'O Velho Homem do Mar'.

E o que motivou este post foi uma canção lenta 'Coimbra' "do choupal, ainda és capital do amor em Portugal, ainda..." de compositores portugueses, que Roberto tornou um sucesso! E a cidade passava em meus sonhos de então, e eu ainda não a conheço, até hoje!

Se não conhece a canção, ou se a conhece e quer recordar, veja este video, histórico, de um programa da TV portuguesa. Roberto, noviiiinho, empunha uma guitarra (coisa que não faz há muito tempo), acompanhado por baixo e bateria, com uma tocada de rock básico, diferente do arranjo do disco, bem mais elaborado. É uma graça.

Encantem-se!

Homero Sonhando Com Coimbra Ventura

terça-feira, 29 de março de 2011

Coleção - Coletâneas


Num belo dia de visita à Saraiva, no aguardo da entrada no cinema, deparei-me com um CD com a cara de Chico Buarque na capa, a um preço de R$7,90. Li atrás que se tratava de um disco original de 1978, batizado com o imaginativo título de 'Chico Buarque'. Eu não me lembrava dele.

Depois percebi que a encadernação era especial. Trata-se de uma coleção de 20 discos de Chico, que é vendida à base de um disco por semana, em bancas de revistas! E tem uma super caixa (ver ao lado) O livreto é de ótima qualidade, e conta as circusntâncias em que o disco foi gravado, o que acontecia no Brasil, à época, recheado de fotos, muito legal. Os demais discos da coleção saem a R$ 14,90, ainda assim, uma pechincha, pela qualidade do material, e da música, inesquecível!
 
E por que escolheram justamente o disco de 1978 como linha de frente da coleção? Porque, das 11 canções, 10 são sucessos! Só pra dar uma 'palhinha', tem  'Cálice', 'Apesar de Você', 'Até o fim'!!! Um verdadeiro hitmaker 

Só uma das canções não estava na coletânea que eu tinha dele, que foi lançada quando completou 50 anos, lá se vão quase 20, e que dividia sua genial obra por estilo - O Político, O Trovador, O Malandro,  O Cronista, O Amante - magnífica, e que serviu para aculturar meus filhos na música do gènio, e deixá-los fãs incondicionais.

Mas sabe, coletânea tem aqueles problemas. Deixa muitas músicas essenciais de fora. Detesto coletâneas, e expliquei o porquê de minha repulsa num crônica que chamei 'Boleto Para Pasear'.

Leia: http://blogdohomerix.blogspot.com/2006/08/boleto-para-pasear.html

Nela, falo sobre algumas coletâneas beatle, até decentes, mas como todas elas, incompleta! Depende do seu objetivo para com o artista. 

A crônica se inspirou num divertidíssimo fato: como as canções beatle eram traduzidas para o espanhol. O que, aliás, deu o título à crônica: adivinha qual música dos Beatles é 'Boleto Para Pasear'??!!

Homero Revivendo Chico Ventura

segunda-feira, 28 de março de 2011

Ceni é Cem

Personagens do fim de semana do esporte.

Em ordem de importância, concorda?

ROGÉRIO CENI

EU VI!!! O 100º  gol de Rogério Ceni. Ao vivo!!! Vi a falta, pensei, será que é agora? E foi! Espetacular, irretocável, bola no ângulo, aonde mora a coruja, goleirão não podia fazer nada. E  foi em cima do Corinthians. Não podia ser melhor! Ironia do destino: o time da Marginal Sem Número se vangloriava de ter marcado o 1000º gol que Rogério Ceni levou, mas agora tem que amargar essa marca BEM mais expressiva!! Em que pese jogar num rivalíssimo do meu Santos, tenho que admitir que trata-se de uma estrela maior do futebol. A FIFA diz que  ainda faltam dois que faltem! O interessante é que foram mais gols de falta que de penalty, 56 a 44.Se os próximos forem de pênalti, ele bate também Chilavert, o goleiro paraguaio, atual recordista. Os números de Rogério Ceni nao param por aí: ele está próximo de completar mil (eu disse 1.000!!!), partidas pelo mesmo time. Acho que só Pelé jogou mais por um mesmo time (corrijam-me!). Está há 20 anos no São Paulo e é o maior artilheiro da história do  clube na Libertadores da América, um torneio de prestígio, e internacional. Né pouco não!



NEYMAR
Tudo bem, o adversário era a Escócia, mas  foi bonito ver a personalidade do garoto Neymar. Foi pra cima, levou as porradas de sempre, sofreu pênalty, e fez os dois gols da seleção. Inclusive o de pênalty. Ai meu Deus, que responsabilidade! Ele perde muito penatly, e o Mano mandou ele bater. Mas  mandou muito bem. Gostei foi da declaração do Ronaldão, agora de terno, no intervalo, ao comentar o primeiro tempo, disse: "Aquele menino com a 11 tem futuro...". E foi vaiado, quando caía depois de levar botinadas, cotovelada, e ainda por cima ganhou a já famosa casca de banana, alusão racista. Ele não ligou nada pra isso! E vimos de novo o Galvão, sempre irritante (eu ainda vejo a Globo justamente pra ficar irritado e poder comentar!), insistindo que TODOS esperamos Kaká... Eu não, não me faz a menor falta... nunca fez nada pela Seleção. E GAGAlvão nos brindou com mais uma GAGAlvanice quando,  não entendeu a expectativa de Tiago Leifert (e de todo o amante do bom futebol) pela entrada de Lucas no segundo tempo, pensando se tratar do Lucas que já estava em campo, o do Liverpool. Aliás, quanto tempo Mano Meneses demorou para perceber que a invenção dele, o tal de Jádson, não estava rendendo bem, e que era óbvia a necessidade de Lucas (o do São Paulo) entrar no lugar dele!! Demorou, mas percebeu, e o menino fez duas jogadas de gênio!

Petrov
O russo Vitali Petrov repetiu a dose: sai campeonato e entra campeonato e ele segue vendo Fernando Allonso no retrovisor. É sempre bom ver o espanhol nervoso. A última foi na primeira corrida de 2011, na Austrália, deixando Alonso fora do podium. A primeira foi an última de 2010  em Abu Dhabi, quando ele dependia da ultrapasagem pra ganhar o título, mas Tinha Um Petrov No Meio do Caminho (link),  um texto esportivo-cultural. Ainda na F1, será que veremos neste ano novamente o 'irmão de Massa', como o chamou disse seu 'corretíssimo' chefe? Será um defsile do alemão Sebastião?


GANSO
Ganso foi o grande nome do Santos, como sempre, o time ganhou, mas nada de destaque, jogo contra Ituano, nem precisava, aliás nem coloquei o nome dele no título. Ele até errou alguns passes, mas participou dos dois gols que foram POR QUERER (o primeiro, de um novo Menino da Vila, Tiago Alves) foi SEM QUERER. Interessante que, no último gol, a participação dele foi sem tocar na bola, deixando passar um passe, que era pra ele. Com seu terceiro olho, na nuca, ele percebeu a entrada de Jonathan pela direita, que matou a bola e mandou de sem-pulo, no mais belo gol da rodada paulista! E Ganso ainda deu um passe de calcanhar, na meia-lua da área adversária, dizendo "Faz, Keirrisson, faz!" ... e ele não fez, tivesse-o feito e seria o gol da rodada nacional!


Só abro aqui pra protestar. 
Não aguento mais ouvir: e aí, o Ganso vai embora?
Vai embora coisa nenhuma!
Vai ficar aqui, pelo menos neste ano!


Parece que tá todo o resto do mundo torcendo pra isso.
Só se fala nisso.
Entrevista depois do jogo é só sobre isso.

Em vez de querer que ele fique por aqui, a bridar todos com suas jogadas brilhantes.
Saiam pra lá, urubus!
Que tratem de seus times, e que eles descubram os seus próprios craques!


Homero E Tenho Dito Ventura

sexta-feira, 25 de março de 2011

Mordendo e assoprando

Vocês sabem que sou global (e já fui criticado por isso).

Entre um post e outro, presto atenção a imagens da telinha.

E quando gosto muito de alguma coisa ou a abomino igualmente, mando imediata mensagem a meu contato na Globo, aquele mesmo a quem enviava meus relatos de Houston, quando morei lá, e tive na Vênus Platinada um fator crítico de sucesso de minha missão. Principalmente para dar à minha sogra uma vidinha mais próxima da que ela tinha deixado por aqui. (se tiver curiosidade, visite A Globo Em Nossa Vida Americana - Parte 1, Parte 2 e Parte 3, nestes links)

Bem, no caso atual, o fato motivador de minhas mensagens, foi a novela 'Insensato Coração', com duas cenas, uma execrável e outra admirável, uma em que mordi, outra em que assoprei.

A Mordida
Essa novela está razoável, o Filho Do Mal é convincente, Fagundes recuperou o prestígio, Nathalia, a Timberg está divina (a outra já cansou como mãe doida, em duas novelas), Tarcísio entrou muuuito bem, a Isabela Garcia está muito legal (aliás, não está mais rouca), Deborah Secco está a periguete de sempre mas está divertida, assim como seu amigo gay, e Herson Capri está perfeito como um garanhão de meia-idade.
Enfim, está boa.
Ou melhor, ESTAVA!!!
A trama que levou ao fim do capítulo da sexta-feira, foi RIDÍCULA, me desculpem!
Vamos por partes:
  1. O Filho Do Bem recebe o perdão e foge, de cadeira de rodas para o Rio, deixando pai e mãe esperando na porta da cadeia (!!!);
  2. O Portuga descobre que o desafeto, e Potencial Cliente de Paola, foi pescar não sei onde;
  3. Paola pega o barco da avó para ir se encontrar sabe-se lá aonde no meio do mar, com o Potencial Cliente;
  4. Ela o encontra!!!    No fundo do mar!!!
  5. Na subida, apresentam-se no barco, o diálogo até que é bom, objetivo, e ela consegue ao menos um almoço de negócios;
  6. Na volta, o esforçado paraplégico está na boca do Pier a esperar o seu amor, que sai sozinha de seu barco, quando...
  7. De repente, do meio do nada, de um pier secundário, aparece o Portuga, declara que ama a heroína, e tasca-lhe um beijo, para desespero do pobre cadeirante!!!
Haja clichê mi-ra-bo-lan-te! Insensato Clichezão, eu diria!

Um INSULTO à nossa inteligência!


O Sopro (uma semana depois)


Querida, um dia mordo, o outro assopro, num dia jogo pedra, no outro, flores.
Num capítulo, Lázaro Garanhão se engraça com a mulher do Potencial Cliente de Paola. Sua intimidade é flagrada por Lavínia 171.
No outro, Lázaro Garanhão é chantageado e conta para a chefe Paola. A cena seguinte é de cinema:  Paola vira uma Angelina Jolie, no melhor estilo Salt, só que loira! Quatro tabefes magníficos na Lavínia 171! Chave de braço, puxando pelos cabelos! E as lágrimas da bandida pareciam verdadeiras, as bochechas vermelhas, o sangue escorrendo no canto do lábio. Vale a pena assistir: clique aqui!    Paola decidida, segue então com Lázaro Garanhão para a casa do Chantageador, invade seu computador, ele chega e, enquanto os dois homens se engalfinham, ela calmamente toma as provas da chantagem e joga o plano do Chantageador no chão!!


Que objetividade é essa?!
Uma situação criada num capítulo e resolvida no outro, vilões punido de imediato!

Em tempo: Paola de Oliveira, Lázaro Ramos e Lavínia Vlasak são os atores citados!

-----------------

Bem, falando em Morde e Assopra, este é o nome da nova novela das 7, da qual não assisti nenhum capítulo, mas acompanho pelas chamadas.


Apesar de basear-se num clichê de cinema batido, um homem qualquer encontra uma andróide loira (por que sempre as loiras?) para satisfazer seus desejos (lembre-se do filme S1M0NE, com Al Pacino), a novela começou com duas premonições incríveis:


  1. Suas cenas iniciais foram filmadas no Japão, e acontece um terremoto; uma semana antes de a novela estrear acontece aquela tragédia toda!!!!
  2. A heroína da nonvela é uma arqueóloga que busca em terrras brasileiras um fóssil raro; ontem, arqueólogos brasileiros e sul-africanos encontraram um fóssil raríssimo em terras brasileiras, mais especificamente no Rio Grande do Sul!!!
Puxa, será que terminaram as surpresas de Walcyr Carrasco?

Homero Globalizando Ventura


quinta-feira, 24 de março de 2011

Passaporte Esperanto

Um casal de coreanos viajou pelo mundo.

Foram mais de 20 países, de mochila nas costas.

E nunca tiveram problemas de comunicação.

Eles só puderam fazer isto porque falavam Esperanto.

Quando passaram pelo Brasil, estiveram em Santos, e deram uma entrevista a um jornalista adepto da causa.

Renata leu a entrevista e teve a idéia do Passaporte Esperanto, a língua neutra como um verdadeiro passaporte, a abrir portas em todos os lugares do mundo.

Traduziu a entrevista para o português, fez uma diagramação bem ajambrada e criou um folheto com a história contada pelo casal, frente-e-verso, sobre as cores da bandeira do Brasil, em tons pastéis. Transmitiu a idéia à comunidade e logo ganhou vários sócios. Conseguiu imprimir 5.000 folhetos numa gráfica, financiada por uma organização que bancou a ideia, angariou os fundos necessários para mandar pelo correio para 10 pessoas que disponibilizaram  os folhetos a diversas universidades do Brasil, variadas quantidades, e distribuindo aqui pelo Rio, boa parte deles.

Nesse meio tempo, ela exportou a idéia, e o folheto foi (ou está sendo) traduzido para 13 outras línguas (húngaro, catalão, romeno, alemão, inglês, francês, espanhol, italiano, russo, coreano, urdu, nepalês, polonês) por pessoas daqueles países (etnias), que farão o mesmo que Renata fez aqui.


Este é o primeiro de uma série, com diferentes conscientizações de como o Esperanto pode ser 
um meio definitivo de comunicação entre os homens
um meio de disseminação da tolerância
 um meio de concretização da paz.



Veja o resultado em português!



É legal, ou não é???

É como eles dizem:
Para cada povo, sua língua.
Para todos os povos, o Esperanto.



Para mais informações: esperantrix@gmail.com
                                     (é como ela é conhecida na comunidade!)


E vai aqui um recado de Renata:


Se seus contatos tiverem interesse, ou seus filhos, ou parentes, ou amigos, em aprender Esperanto, inscrevam-se aqui:
É um grupo de estudos, em que dou aulas do idioma. 

Abraço

Homerix Pai de Esperantrix Ventura


Tamu fux!


Com esse Supremo que temos,
prefiro o de frango......



Não adiantou...

Em 2010, juntei-me à população de bem, e convoquei meu restrito público a votar pelo Ficha Limpa, em http://blogdohomerix.blogspot.com/2010/09/homero-convoca-atualizacao-ficha-limpa.html

Aprovado o projeto, colocaram na lei um tempo de verbo numa forma dúbia ('que forem condenados', ou algo assim...), dando espaço para que os doutos colocassem água na fervura. O projeto foi ao Supremo. Lembrei da necessidade de que a coisa fosse válida já para a eleição de então, em http://blogdohomerix.blogspot.com/2010/09/violada-no-auditorio.html

Pouco antes de 3 de outubro, conclamei que não se colocasse de volta no Congresso ninguém que já fosse condenado, justamente por medo de o Ficha Limpa acabar não se confirmando no Supremo, em http://blogdohomerix.blogspot.com/2010/08/e-renovation-chom-chom.html

Não adiantou! Elegeram muitos dos condenados, e ficamos à mercê dos seres do Supremo Tribunal Federal!

E no Supremo, estava 5x5.

Louvai os que votaram a favor: Joaquim Barbosa, Ayres Britto, Carmen Lúcia Antunes Rocha, Ricardo Lewandowski, Ellen Gracie!!

Execrai os que votaram contra: Cezar Peluso, Celso de Melo, Marco Aurélio Mello, Gilmerd Mentes, Antônio Dias Toffoli !!

Faltava o voto de um juiz novo que viria no lugar de Eros Grau, recentemente aposentado.

Foi escolhido um certo Luiz Fux. 
O voto dele foi contra!

Ele baseou-se no tal princípio da anualidade, que diz que uma lei não pode entrar em vigor no mesmo ano em que implantada.

Ficha limpa, então, só depois....

Sai um juiz de grau erótico e nós é que se fux.

Ora, ora, que ele mandasse essa tal anualidade pra casa do barbalho, e ouvisse o clamor das ruas!

Barbalho, o Jáder, aliás, que agora voltará para aquela casa de tolerância do planalto central, comandada por Sarney e outros meliantes!!!!

O pior é que esse tal de Fux e aquele tal de Toffoli, são jovens, vão demorar pra morrer. Como o cargo é vitalício, e eles vão ficar lá até quando quiserem, ainda haverá muitas oportunidades para eles votarem contra os interesses da Nação.



Tá demais...
Homero Muito Puto Ventura

quarta-feira, 23 de março de 2011

Homerix 10K

Rio de Janeiro, 23 de março de 2011, 19:32.

Blgo do Homerix atinge 10.000 page views

1. Visão Geral

Exatos 3 meses e 1 dia após sua criação, o  blog chegou a 10.000 visualizações de página. Abaixo, uma visão dos últimos 30 dias.


Segue o padrão trabalhador do meu leitor: note que os pontos baixos (de 40 a 60) são fins-de-semana ou feriados (no caso, carnaval), e os pontos altos (de 150 a 250) são dias úteis.

Tá bom o desempenho?

Tá! Não posso reclamar! 

Podia ser melhor? Ô! 

Meus emails teaser são direcionados a muuuito mais pessoas do que o número médio de visualizações por postagem. Um dia, mais e mais  correspondentes vão perder o medo de clicar os links que eu sugiro, e a coisa vai melhorar bem.

Hoje, posso concluir que meus teasers são fundamentais para o realtivo sucesso do blog. Às vezes, eu publico um post e não aviso nada. Resultado: o post fica lá, esquecido, com uma, duas visualizações, dias a fio. Aí eu mando meu super email, e a coisa começa a decolar. O vôo não é, lá, muuuito alto, mas é evidentemente melhor.

2. Público

Sigo tendo muitas visitas internacionais. Ver o mapa geral, numa visãodesde o começo do blog:

... e outras 250 visualizações de outros 20 países ....

Mudanças em relação à fotografia dos 5.000 

     (se quiser comparar com a última visão, das 5 mil, vá a      
      http://blogdohomerix.blogspot.com/2011/02/o-mundo-do-homerix.html)
  1. Reino Unido descolou decisivamente de Colômbia, que pode ser ameaçada pelo Chile;
  2. Japão entrou e subiu várias posições, mesmo depois do terremoto, e briga comArgentina e Venezuela;
  3. Tanzânia e Angola fazem uma disputa africana pelo nono lugar;
  4. Croácia e Eslovênia ficaram naqueles arroubos iniciais, e não aparecem mais.
Na visão dos últimos 30 dias, outros três países esverdearam:


Com a chegada de Canadá e China, á área do Mundo do Homerix subiu sobremaneira!!!

E, escondidos, ainda estão Austrália, Alemanha, Holanda, Dinamarca, Nigéria, Uruguai, Dubai, Indonésia, Malásia, Hungria, Portugal, Rússia, Uruguai, Paraguai e Nigéria, e outros. Líbia, infelizmente, parou, em definitivo.

3. Postagens

Entre 5.000 e 10.000, três postagens foram deslocadas da lista das Top Ten. O Carnaval Beatle, a divulgação do Esperanto e a presença de Obama ocupam agora as posições 3, 4 e 5, respectivamente. Links disponíveis....


Visualizações Postagem
1491Lá se vão 30 anos ...
2271Cisne Negro
3256No Bloco do Sargento Pimenta
4210Esperando na Cinelândia
5169Oba-Obama
6166Metralha e Galvão (atenção, não é O Galvão)
7155Além da Vida
8153Los Bife - Retorno em grande estilo
9134É Legal Ser Negão no Senegal
101215 S's: SimãoSenSaSSional



4. Seguidores
Dias de Vida: 91
Seguidores: 92
Média: 1 Seguidor por dia


Ah .. as estatísticas... na verdade o avanço tem sido lento, bem lento nas últimas semanas. Meu público continua com extrema resistência em tornar-se seguidor do blog. Fazer o quê... aguardo respeitosamente.


________________________

Bem, agora, vou pular as 15 mil visualizações e voltamos a nos falar apenas quando e se completarmos, eu e vocês, 20 mil contatos imediatos de primeiro grau!


Quando será?

Sigamos na luta!


Abraço
Homerix Décimo Milésimo Ventura









terça-feira, 22 de março de 2011

Três Chicos


Salve Chico...



Anysio

Um amigo que não quer ser identificado me passou o seguinte texto e palavras
Alguns acham o cara engraçado. Outros acham o cara um palhaço. Há os que se preocupam apenas com sua vida particular e acham o cara um mulherengo e há também aqueles que reconhecem que o cara é um tremendo arista. São poucos, entretanto, que tiveram contato com a sua genialidade... veja este video (o texto está transcrito logo depois)


É uma entrevista com Jô, em que ele faz um monólogo com todas as palavras começadas em 'M', e termina imitando muito bem o grande Louis Armstrong. Verdadeiramente, genial!

Pródigo em mulheres (6), filhos (8) e em personagens (mais de 200 -  veja aqui), ele fez carreira ímpar na TV, onde começou há mais de 50 anos. A seu tempo, muitos persongens fcaram gravados em nossa memória, outros nem tanto. No especial de fim de ano, em 2010, entretanto, nota-se que perderam o glamour, numa reedição da Escolinha do Professor Raymundo, onde todos os alunos eram ele mesmo, em diverso de seus mais famosos personagens. O especial foi ao ar quando Chico já estava no hospital onde ficou quase três meses, onde venceu uma obstrução coronariana e duas pneumonias.


Safou-se de mais dessa. 


Salve Chico...
__________________

Buarque

Francisco Buarque de Hollanda, o 'Carioca' como era conhecido por seus colegas na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, cedo viu que sua vida seria arquitetar belas canções. Ele e seu violão produziram pérolas da MPB desde tenra idade.

Veja bem: ele despontou para o cenário nacional aos 22 anos de idade, com a singela e genial marchinha 'A Banda' interpretada por Nara Leão (ver em Nara Leoa - meu link), mas já tinha sucessos como 

'A Rita' - A Rita matou nosso amor, De vingança, Nem herança deixou


'Olê, Olá' - Não chore ainda não, que eu tenho um violão E nós vamos cantar

'Pedro Pedreiro' Esperando, esperando, esperando, esperando o sol esperando o trem, esperando aumento para o mês que vem 

'Morte e Vida Severina' (só música) - É a pedra que te cabe neste latifúndio

E no ano seguinte, soltou a obra prima 'Roda Viva' (meu link) e um disco com mais um punhado de obras geniais

'Noite dos Mascarados' - Queeeem é você, diga logo... - Que eu quero saber o seu jogo.
'Com Açúcar, Com Afeto'Com açúcar, com afeto, fiz seu doce predileto, Pra você parar em casa, qual o quê!
Quem Te Viu, Quem Te Vê - Hoje o samba saiu, lá lalaiá, procurando você Quem te viu, quem te vê Quem não a conhece não pode mais ver pra crer
E ele ainda tinha 23 anos....

Ainda vou falar muito deste Chico neste ano. Lançaram uma coleção espetacular com o essencial de sua carreira, sobre a qual vou comentar e recomendar!

Salve Chico...
__________________

Xavier

Francisco Cândido Xavier, aquele ser que na vida só fez o bem, teve a celebração de seu centenário marcada por dois filmes As Vidas de Chico Xavier (meu link) sobre a vida deles e Nosso Lar (meu link), baseado no mais bem sucedido de seus 400 livros, com uma visão de como seria sua vida no além, que, como todas as outras obras, teve, e tem, seus rendimentos revertidos para a caridade.Os filmes tiveram no total mais de 8 milhões de espectadores, um fenômeno somente superado pela dupla Moura/Padilha (ver neste link).

Agora, vem um outro, 'As Mães de Chico Xavier', que não fala sobre suas mães, a real e a madrasta, mas sim sobre as mães que perderam seus filhos e conseguiram conforto com o auxílio do poderoso médium. Uma delas já havia sido retratada por Christiane Torloni filmebiográfico. Neste novo filme, são descritos três outros casos. Ele estréia em logo no começo de abril.

__________________

Outros Chicos famosos?

Si, los hay, pero no como estos!

Homero Chicoteando Elogios Ventura

domingo, 20 de março de 2011

Esperando na Cinelândia

Eu disse que eu ia à Cinelândia, e fui!!! 

Obama não foi, como já se sabia.

Então, eu não o ouvi.

Mas cumpri o resto do Plano.

Que era divulgar o Esperanto!

Foi muito legal!



Pois é! Renata vislumbrou essa oportunidade, mandou fazer a faixa acima, em conjunto com um colega esperantista. E ela ficou linda, vistosa, precisa!

Nosso plano era subir um ou dois degraus da escadaria daquele outro prédio imponente da Cinelândia (a do Municipal, eu já achava meio difícil) para dar mais visibilidade. Que nada! O cordão de isolamento isolou todo aquele trecho, e ficamos aí, um pouco mais distante. 

A configuração da EkipEsperanto, na verdade, era eu e o Léo (o co-autor) segurando a faixa, e Renata, a divulgadora-mór, ficava à disposição dos curiosos, para explicar que coisa estranha era aquela, registrar o email das pessoas interessadas em aprender o idioma, e entregar um Passaporte Esperanto (vou explicá-lo em um post especial).  Dentre os curiosos, alguns turistas: três meninas argentinas, três amigos italianos, e um kosovar, que mora na Alemanha, e comprometera-se lá a fazer uma tese sobre o quê? Esperanto! Veio a calhar o encontro!

Havia também curiosos um pouco mais qualificados, os repórteres! Vieram Globo News, Extra, Estadão, UOL, e Renata pôde resumir um pouco das características dessa ideia: uma língua neutra, que não dá vantagem a nenhum povo, inteligente, poucos fonemas, gramática lógica com poucas regras, sem exceções, sem acentuações, com vocabulário baseado em todas as linhas idiomáticas, e, principalmente, o seu slogan:

Para cada povo, sua língua.
Para todos os povos, o Esperanto.

E dentre os qualificados, alguns nem tanto assim, como por exemplo, um pessoal da Rock Bola da MTV, que fez gozação com a ideia, fazendo piadinhas velhas, como 'O Esperanto é o último que morre!'. Claro que nem ligamos, afinal, todos os esperantistas somos da paz.

Lá ficamos por três horas! E compartilhamos espaço com outros!

Outros manifestantes com faixas? Sim, tinha umas poucas faixas de apoio e boas-vindas ao líder americano, uma prevendo o fim-do-mundo, e até uma Mulher Bambu, uma mulata alta e magérrima, que se presta a ficar ali, despertando a curiosidade, fantasiada de bambu. E tinha, claro, as faixas de protesto, levadas por grupos radicais barulhentos, com palavra de ordem, gritos de guerra, querendo Obama fora do Brasil. Pra que essa pressa toda? Ele iria atender ao desejo desses poucos logo na segunda-feira, pela manhã..

E tinha os comunistas relembrando os 5 heróis (quem seriam?), gritando por Cuba, e demandando que se deixe a Líbia em paz (!!). Um de seus bordões era: "1,2,3,4,5,1000, lugar de imperialista é na ponta do fuzil!" Vários pontos meus de exclamação!!!

Que coisinha mais atrasada e retrógrada esse anti-americanismo explícito... E ele é independente de quem ocupa a cadeira-mór. Esse pessoal devia tirar umas férias coletivas todas vez que assumisse um presidente democrata.

Felizmente, a imprensa séria não deu o destaque não merecido pelos arruaceiros.

Como se pode querer mal a uma figura que faz um discurso como aquele, que Obama fez no Municipal? Que eu nem vou comentar!!! Se não ouviu, ouça, aqui, neste link!!

Então, na Cinelândia havia muitas faixas, mas nenhuma mais bonita que a nossa, nenhuma com um objetivo mais pacífico que o nosso.

Um Abraço Esperantista


Homerix!







sábado, 19 de março de 2011

Em Cima do Muro





Sabe qual foi o azar dos insurgentes líbios (e sorte do louco Kadafi)?

O terremoto do Japão!!!

A midia voltou-se inteirinha para as terríveis tragédias japonesas, e esqueceu-se do fantástico levante na região conhecida geopoliticamente como MENA (Middle East - North Africa). E isso é um fenômeno que se repetiu dentro do próprio levante: quando começou o levante no Egito, esqueceu-se da Tunísia, quando começou o da Líbia, esqueceu-se do Egito, e quando veio a tríplice tragédia (terremoto, tsunami, nuclear), esqueceu-se da Líbia. E tanto a Tunísia quanto o Egito, ainda precisam de um certo monitoramento internacional, sob pena de reacender a chama dos regimes depostos. Ou não?

E a Líbia, então. Kadafi deitou e rolou! Meteu bomba nos desaparelhados insurgentes, enquanto o mundo se distraía com o importante, sim, desastre japonês. Foi o tempo para um massacre.

Passado o impacto, mas não o risco, japonês, finalmente a ONU se reuniu para discutir o que deveria ter feito há 10 dias. Talvez um pouco tarde!

Foi aprovada a instalação de uma zona de exclusão aérea sobre a Líbia. Agora, aviões do governo líbio não poderiam mais sair do solo, sob pena de serem abatidos pelas forças internacionais que implantariam o mecanismo.

Foi declarado o cessar-fogo, de boca. 

Na prática, não adiantou. 

Os países da coalização começaram o ataque. Obama deu a ordem amerciana aqui do Brasil, pois lá os presidentes continuam comandando durante suas viagesn. Acho que somente nas férias, o Vice assume realmente, ou não .... vou pesquisar.
Entretanto, voltando à decisão da ONU.

Esses países se abstiveram na votação das Nações Unidas quanto à instalção da medida.

Veja a população que cada um desses países.

O mundo tem uma população de, grosso modo,  6 Bilhões de habitantes.

Ou seja, caso o voto dado pelo representante de um país refletisse a vontade do mesmo, ia votação apontaria que metade da população mundial desaprova a instalação de uma medida que impede uma maior matança de civis, liderada pelo grande líder líbio.

Será isso verdade?

Por que o Brasil sempre fica nessa posição, em cima do muro? Veja bem, não somos todos mineiros (sorry, mas a fama...), somos brasileiros! Que tantos interesses temos para mantermo-nos assim, como se o povo brasileiro, notadamente dócil, apoiasse a matança indiscriminada?

E a Índia, que conseguiu sua independência com base na não-violência de Ghandi? Sim, sei das violentas e sanguinárias batalhas religiosas, mas também o povo indiano é dócil, em sua grande maioria.

Ah, os interesses econômicos...

Voltando à nossa seara, sei que já melhoramos um pouco, ao diminuir o apoio ao outro doido, o iraniano, mas parece que ainda estamos longe!!!

O que fazer! 

Homero Ainda Sem Entender


 

quarta-feira, 16 de março de 2011

Oba-Obama



       Oi, Boechat, bem-vindo de suas merecidas, e muito sentidas (por nós) férias.

       Hoje, você disse que não sabe por que 30.000 pessoas iriam ver Barack Obama na Cinelândia.


Eu não sei, mas sei por que EU VOU!!

Admiração!


       Estava em Houston quando o Senador Obama discursou na covenção democrata de 2004. Já se percebia àquela época que aquele jovem de apenas 43 anos viera para fazer história. O discurso é pungente, onde enalteceu a grandeza do país que aceitava a ascensão de um ‘skinny boy with a funny name’. A multidão enlouquece quando ele descreve o país como um celeiro de diferenças em torno da liberdade.

       Desde que, quatro anos depois, começou a tomar corpo sua candidatura a candidato democrata, a vida daquele homem vem sendo ameaçada por brancos raivosos que não se conformam ainda hoje, com a possibilidade de um nigger sentar-se na cadeira mais poderosa do mundo. Um país onde negros não podiam sentar-se perto de brancos há menos de 50 anos, uma país que matou Martin Luther King, o grande líder negro, e logo depois Bobby Kennedy, que advogava direitos iguais para os negros. 

       Veio a vitória sobre Hillary, o lado republicano trouxe uma troglodita como vice, tentando levantar o Lado Negro da Direita contra as evidentes forças progressistas, do bem, que Obama trazia consigo.

       E ele venceu. Mobilizou a juventude, que compareceu às urnas como nunca antes na história daquele país, usando os modernos meios da internet, e venceu, incontestavelmente. 

Yes, They Could!

       Acho que qualquer democrata venceria, depois de oito anos desastrosos de Bush? Sim, mas a vitória dele veio carregada de um heroísmo, de um simbolismo ímpar.

       E veio a posse, que juntou (como nunca antes ...) milhões de americanos em frente ao Congresso. Imagino o quel ele sentia ao caminhar nos corredores do Congresso, solitário, passo lento, rumo ao púlpito, olhando para um lado e outro, com um monalisaico (sic) e leve sorriso no rosto, de boca fechada, bem diferente daquele sorrisão da época da campanha, cheio de dentes? O que não passava na cabeça dele naqueles intermináveis metros que o levavam ao momento de ser recebido por aquela multidão? Terá pensado em Rosa Parks, uma senhora negra que, em 1955, recusou-se a ceder lugar no ônibus a um branco, e foi o estopim do movimento pelos direitos nos negros? Ou em Dr. King, que foi assassinado porque teve um sonho? Ou ainda no próprio pai, que rebatia com classe e argumentação de alto nível, sem violência, insinuações sobre a inferioridade de sua raça? Ou teria aquele enigmático sorriso um leve toque de ironia (confesse!), apenas um momento de satisfação íntima, quase vingança, só de imaginar os brancos radicais que encontrou pela vida, ou que soube da existência por intermédio de outrem, e que teriam agora que referir-se a um negro como 'our president'?


        Eu queria estar lá!

        Não deu!

 
        E como foi a metade do primeiro mandato? 

        Resumindo? Ele fez o que pôde! 

       
Ele pegou o governo na pior condição possível (lembra da piada do Tampax?), com uma crise descomunal, e fez o tradicional, injetou dinheiro para salvar as instituições financeiras e dar um fôlego ao crédito. Certo? Não sei. Mal ou bem, parece que a crise diminuiu. Está longe de voltar ao que era, mas mehorou.

       
Teve boas iniciativas pelos direitos humanos, como Guantânamo, e Tibet, fazendo pressão sobre a China, e agora no caso da Líbia. E também pela paz, na aproximação com a Rússia, e deu um show na visita ao Oriente Médio. Foi o suficiente para ganhar um prematuro Nobel da Paz. Mas entende-se a intenção do instituto norueguês, foi como um incentivo, ele foi laureado mais pelo que ele representa. Infelizmente, cedeu às estratégias de seus comandos militares, e acabou enviando mais 30 mil soldados para o Afeganistâo. Mas retirou as tropas do Iraque. Acho que o saldo é positivo.

       
E ele briga pela energia limpa, e impôs sanções às montadoras que não desenvolverem projetos nesse sentido. E conseguiu aprovar uma política de saúde mais humana e social, o que foi uma grande vitória, mas que ainda pode ser abortada pela oposição. 

       Uma oposição que acabou ganhando as eleições de meio de mandato. Infelizmente, os jovens não mostraram a mesma mobilização da época da eleição presidencial, o que facilitou os retrógrados, sanguinolentos republicanos a retomarem uma maioria folgada nas duas casas. Depois, a cor vermelha do partido opositor mostrou sua face troglodita com sua representante-mór Sarah Palin a incitar violência: ela apontava com alvos, em seu programa de TV, os pontos onde havia lideranças azuis (democratas) a serem eliminadas. E um deles entendeu o recado ao pé da letra de chegou atirando a um comício, baleando uma deputada na cabeça, que escapou milagrosamente, o que não aconteceu com seis outros membros de sua entourrage. Verdadeiros 'alloprated' esses republicanos, só para lembrar o episódio do dossiê do PT em 2006.

       
Acho mesmo que esse movimento todo teve um efeito reverso. E vai ser usado na campanha a reeleição em 2012, com certeza. E de novo a juventude progressista tomará seu lugar e reconduzirá Obama a seu posto, evitando uma desastrosa volta republicana ao poder, que seria o fim do mundo.

      
Assim espero!

       Agora eu vou poder vê-lo, aqui em casa. E ele vem ao país que possibilitou o seu nascimento, não sei se ele vê assim. O fato é que sua mãe ficou obcecada com o filme Orfeu Negro, da década de 1950, e encantou-se pela cultura negra. Aí, quando conheceu Dr. Obama, um intelectual educado, apaixonou-se, casou-se e Barack veio ao mundo. Aprendi isso no livro que ouvi, 'Dreams From My Father', na voz do próprio Barack Obama.

       Ah, sim, Obama na Cinelândia? 


       Por que os outros 29.999 estarão lá?

       Creio que o oba-oba seja responsável pela grande maioria dos participantes. 

       Mas creio mesmo que o Oba-Obama seja bastante significativo. Este povo gosta de Obama, creio mesmo que a imagem da 'America' tenha melhorado muito com a presença daquele ser na Casa Branca.
      Estarei lá!!!
 
       Assim espero!


       Ah, sim! Além de tudo, ele é amigo de Paul McCartney, que fez um show an-to-ló-gi-co na Casa Branca no ano passado, para receber um prêmio por sua brilhante carreira, onde cantou 'Michelle', a música, não a Primeira-Dama!

        Ah, sim! Pra completar, ele é trekkie, ou seja, fã de Jornada nas Estrelas. Já se encontrou com Leonard Nimoy, e cumprimentou-o com aquela saudação característica, com a mão-direita, dizendo 'Live Long and Prosper'.
     
Grande abraço


Homero Obâmico Ventura
Rio de Janeiro
--------------------------------------------------

Alguns textos que fiz sobre Obama!!!

Se eu tivesse que escolher meus Top Ten textos, este texto sobre a posse dele estaria lá, com certeza!
        http://blogdohomerix.blogspot.com/2009/01/obamaximo.html



Neste, o primeiro, um papo sobre a Super Tuesday, e a importância daquele dia para as primárias
       http://blogdohomerix.blogspot.com/2008/01/terca-feira-gorda-vai-ser-super.html

Neste segundo, entre mais comentários sobre as primárias, e o modo como comprei o audio-book de Obama, falo sobre o evento CERA, que tive a oportunidade de participar, naquele 2008 eleitoral.
        http://blogdohomerix.blogspot.com/2008/02/cera-so-imaginacaaao.html

 
Neste, mostro a minha emoção da noite da vitória
        http://blogdohomerix.blogspot.com/2008/11/yes-they-could.html

E neste, a emoção que foi ouvir sobre a vida de Barack Obama, pela voz de Barack Obama, em seu Audio Book, aquele mesmo que havia comprado naquela viagem a Houston.

        http://blogdohomerix.blogspot.com/2009/01/ouvi-um-livro.html