-

quarta-feira, 25 de março de 2020

Breaking Bad In My Life

Neste confinamento que ora completa 10 dias, família toda reunida, filhos apenas saindo para fazer comprinhas, as demais on-line, claro que a televisão é uma boa alternativa, com os filmes disponíveis nas plataformas de streaming e na própria TV aberta.

E dentre os filmes assistidos (ou percebidos), aconteceu uma coincidência interessante, ao menos para nós, amantes de 'Breaking Bad', a melhor série de todos os tempos, e que aconteceu nos últimos 3 dias!
  1. Em 'Contágio', de 2011, quem faz o Almirante que faz parte do time de combate ao vírus? É Brian Cranston, nada menos que o Professor Walt White, principal personagem da série;
  2. Em 'Sully', de 2016, quem faz parte do time da NTSB, que faz a investigação do pouso no Rio Hudson?  É Anna Gunn, nada menos que Skyler White, esposa de Walt na série;
  3. Enquanto eu escrevia a resenha de 'Sully', passava na TV uma péssima comédia, com Dwaine Johnson, e quando olho, quem faz o papel do algoz de The Rock? É Aaron Paul, nada menos que Jesse Pinkman, parceiro de Walt White na confecção de anfetaminas na série.
Como interpretei essa coincidência?

Como um sinal de que era a hora de acabar com uma lacuna de meu blog, de minha vida, afinal, como é que eu não havia escrito ainda sobre 'Breaking Bad', como disse, a melhor série de todos os tempos, celebrada por todos?

Ela teve 5 temporadas, de 2008 a 2014 (a última foi dividida em dois anos) e ganhou quase 50 prêmios (48, para ser mais preciso) nas principais categorias de todos os institutos de premiação de TV, Globo de Ouro e Emmy, ver tabela completa lá embaixo!

Não era pra menos!

Um espetáculo de roteiro, direção, atuação, reviravoltas, personagens, fotografia, música, edição, tudo junto. Já que somente a descobri em 2019, a vontade de maratonar era freqüente, tal a quantidade de cenas fortes, situações surpreendentes, e ganchos ao final de cada episódio.

Resumo do enredo? Walt White (Brian Cranston) é um professor de química de High School em Albuquerque, Novo México, que tem que fazer bico num Lava-Jato para fazer frente à hipoteca da casa, coisa típica de classe média americana. Uma bela hora, ele descobre que está com câncer no pulmão, com os dias contados, e fica desesperado por deixar a esposa Skyler (Anna Gunn), que deixou de trabalhar para cuidar do filho com paralisia cerebral Walt Jr. (RJ Mitte), e que ainda por cima está grávida, com dificuldades financeiras. Nesse momento, seu cunhado Hank (Dean Norris), casado com a irmã cleptomaníaca de Skyler, e policial graduado da DEA (Drug Enforcement Admnistration) lhe conta quanto dinheiro ele consegue apreender dos traficantes de metanfetamina. Ocorre-lhe então que, com seu conhecimento de química, ele poderia fabricar a droga com qualidade, e salvar sua família. Então, numa operação policial que ele acompanha junto com Hank, ele encontra Jesse Pinkman (Aaron Paul), por acaso um ex-aluno dele, que poderia tratar da distribuição e arrecadação, e então formam uma dupla improvável, mas com uma química perfeita.

O criador Vince Gilligan, RJ Mitte (Walt Jr.), Aaron Paul (Jesse Pinkman), Anna Gunn (Skyler White), Bryan Cranston (Walter White), Dean Norris (Hank Schrader) 

Além desse núcleo principal, uma série de personagens secundários ganha dimensão importante! Depois de um começo em instalações parcas (um trailer que é levado ao meio do deserto), Walt começa a ser conhecido por causa da qualidade de sua droga e desperta a atenção de Gustavo Fring (Giancarlo Exposito), que tem uma rede de frango frito (Los Pollos Hermanos) como fachada de uma rede de distribuição de metanfetamina, e entrega a Walt, já conhecido no mercado como Heisenberg, um laboratório de primeiríssima qualidade no subsolo de uma lavanderia industrial. Seu capanga é Mike (Jonathan Banks), eficiente ao extremo, e seus problemas legais são resolvidos por Saul Goodman (Bob Odenkirk), um advogado de porta de cadeia fenomenal!

A série fez tanto sucesso, que os 3 personagens do último parágrafo estrelam, desde 2016, uma série chamada "Better Call Saul", que é um spin-off de "Breaking Bad", e que é sensacional, e tem o mesmo clima, mas menos violência!!! Ela é um Prequel e mostra a vida pregressa de Saul Goodman, antes de se tornar o advogado que resolve tudo. Vi as quatro primeiras temporadas junto com o Felipe, e estamos acompanhando a quinta, semana a semana, na NetFlix. Sensacional!!!!

O idealizador da coisa toda, produtor e diretor geral das duas séries, e que teve a idéia de criar um protagonista que vira antagonista, é o genial Vince Gilligan, que fez sucesso anteriormente com "X-Files". Que currículo, hein!!

Pronto, agora sim, resgatei essa dívida!!!

Não percam "Breaking Bad".... 

Ah, sim, 'breaking bad' é uma expressão do sul dos Estados Uidos e  pode ser traduzido como 'chutando o balde', que é o que Walt faz ao sair de uma vida regrada para uma vida de crimes!

Ah, sim, os prêmios





Nenhum comentário:

Postar um comentário