-

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Pedro, Um Geólogo - Parte 1: Um Contrato

Um grande amigo, Pedro Zalán se aposentou e deu um depoimento fantástico sobre sua vida profissional. Recebi a mensagem no dia 2 de maio de 2012.

Pedi autorização para publicar e ele autorizou imediatamente, e ainda se disse honrado!

São 3 capítulos, se interessar!!


Parte 1: Um Contrato

Queridos colegas,

Hoje de manhã, quando me dei conta de mim, eu estava em pleno metrô, na estação Siqueira Campos, fazendo sinal para o trem que se aproximava da plataforma parar, como se fosse para pegar um ônibus ou um táxi.....

Olhei em volta e as pessoas me olhavam com feições que variavam de estranheza a piedade e comiseração. Coitado....... ou é louco ou é idiota......ou nunca andou de metrô na vida.......

Mas o que será que me fez ter um gesto tão patético, tão idiótico????

Será que eu pirei de vez? Seriam os primeiro sintomas de Alzalanheimer?

Não, nada disto.................agora eu sei o que foi............mas para explicar o motivo eu tenho que contar uma pequena e rápida história.......

Venham comigo...... tenham paciência...... é uma história interessante.....

Mas para contá-la precisamos voltar no tempo...........

Um tempo em que a maioria de vocês provavelmente nem fosse nascida...um tempo em que uma parte de vocês ainda era criança ou adolescente...um tempo em que muito poucos de vocês era adulto...

Vamos voltar 34 anos, dois meses e 21 dias atrás......

Vamos voltar 12.499 dias no tempo. Vamos voltar 1785 semanas e 4 dias........

A data é 12 fevereiro de 1978......É um domingo........daqueles infernais do verão carioca......... O horário? Logo depois do almoço...........

O local? O bairro de Higienópolis nos subúrbios do Rio de Janeiro......... então, um aprazível bairro de classe média-média........mais especificamente, estamos dentro de um dos 3 quartos de uma casa grande e confortável. Antigamente, a classe média-média carioca morava em casas espaçosas em agradáveis subúrbios como a Ilha do Governador, Maria da Graça, Méier, Higienópolis, Penha, Olaria, Vila Isabel, etc...e também, claro, em apartamentos da Zona Sul e da Tijuca. Mas, nesta história, estamos em um subúrbio longínquo e pouco conhecido........