-

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Minha Beatlemania



         A paixão pelos Beatles começou 1965. Eu ia fazer 7 anos e meu irmão, bem mais velho, me levou a uma loja de discos numa galeria perto de casa e pediu que eu escolhesse qualquer Long Play (lembram?), para me dar de presente. Escolhi pela capa, um LP com vários jovens fazendo variadas caretas, sobre um fundo vermelho  ... o nome do LP era: "Os Reis do Iê Iê Iê" .... o nome da banda era: "The Beatles". A música, todos sabem, era contagiante ... e me pegou para sempre. 

        Comprei todos os seus discos a partir de então e fiquei profundamente arrasado quando eles se separaram. Abandonei um pouco a paixão, até acompanhei a carreira solo deles, porém sem o mesmo entusiasmo. Vieram a faculdade, o início da carreira, o casamento, os filhos. Quando me estabilizei de novo, comprei os CDs, recuperei a paixão, comecei a ler sobre os rapazes (não falta material para isto) e escrevi alguns artigos, que compartilhei com amigos e colegas de trabalho.

A partir de agora, encontrará links para alguns dos diversos textos que escrevi. 

Basta clicar nas frases em vermelho!

O primeiro que escrevi foi em 1997, gozando a pretensão de que poderia aparecer algo semelhante a eles. Ei-lo:
  Novos Beatles? Que nada

Depois, escrevi alguns sobre sua carreira enquanto banda, que coloco aqui na ordem cronológica em que ocorreram, na década de 1960.
Foi o fim da banda, mas não da idolatria, que só fez aumentar.


Escrevi também sobre os Beatles isoladamente, mais sobre Paul McCartney, que é o mais ativo, até hoje.
Mas também sobre John Lennon, e sua vida interrompida bruscamente
Uns poucos sobre George Harrison
E apenas um sobre Ringo Starr (sorry, Ringo)
E, finalmente, quando visitei o Estúdio da Abbey Road:

Se quiser mais detalhes sobre a vida deles enquanto banda, recomendo um livro

Outros mais houve, mas penso que os listados acima deixam um bom resumo!
Um abraço beatle
Homerix Com Beatles Forever Ventura




Nenhum comentário:

Postar um comentário