-

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

DOIS FILHOS DE HOMERIX

Mais uma Bienal pra Renata
Mais um projeto pro Felipe
Hora de reviver este post
___________________________________

Este é um post claramente inspirado no filme Dois Filhos de Francisco.

Quero usar este espaço para esclarecer uma coisa fundamental sobre o papel de Homerix e seu objetivo.

No filme, Francisco tem dois filhos artistas, Zezé de Camargo e Luciano, cantores, em começo de carreira. Francisco compra fichas telefõnicas e distribui entre seus colegas de trabalho, para que liguem do orelhão da obra para as rádios da cidade pedindo que toquem a sua música É o Amor.

Nesta vida, Homerix tem dois filhos artistas, Renata, escritora, e Felipe, músico. Homerix usa seu blog e o Facebook para pedir aos amigos que vejam o video de Renata falando sobre seus livros A Arma Escarlate (1) ou A Comissão Chapeleira, ou ainda que conheçam os discos da Baleia (2), a  atual banda de Felipe, chamados Quebra Azul e Atlas.

Similar, não?? Os meios são diferentes, mas o objetivo é o mesmo!!!

Eis os dois artistas, quando já faziam arte ... outro tipo de arte....



Antes dessas duas oportunidades de convocação, Homerix não perdia oportunidade de divulgar o trabalho dos filhos. 

Antes de A Arma Escarlate, e mesmo antes do blog, Homerix divulgava as iniciativas de Renata, em sua dura batalha pelo Esperanto (3), em seu projeto 'Calendário das Virtudes' em busca da disseminação de valores para as pessoas (4), ou de sua batalha contra o colonialismo cultural a que nós brasileiros nos submetemos, que materializou em sua monografia (5).

Antes da Baleia, e mesmo antes do blog, Homerix divulgava as outras iniciativas musicais de Felipe, como sua primeira banda, Los Bife,  está on hold, apesar de ter lançado um exxcelente disco - Super Supérfluo - que saiu em 2011 (6), ou como das obras que compõe durante seu curso de Composição Clássica na Universidade (7).

Tudo isso NUNCA foi pra ele se vangloriar do talento dos filhos. NUNCA para angariar elogios. Homerix já sabia do destino dos filhos... as artes! Daí  porque Homerix sempre foi dedicado à divulgação dos trabalhos deles!! Ele queria que seu pequeno mundo, até onde chegasse sua pequena influência, conhecesse o trabalho dos filhos. A profissão que eles escolheram depende da aceitação e interesse de outras pessoas.

Fosse Felipe engenheiro ou advogado, não teria sentido Homerix usar as páginas de seu blog e as publicações do Facebook para chamar os amigos a que usassem a habilidade de seu filho para construírem suas casas ou defenderem suas causas. Felipe faria seu caminho sozinho, ou de forma autônoma ou prestando um concurso público... não há concurso público para músicos em estatais ou tribunais.

Fosse Renata psicóloga ou médica, não teria sentido Homerix usar as páginas de seu blog e as publicações do Facebook para chamar os amigos a que usassem a habilidade de sua filha para tratarem de suas cabeças e corpos. Renata faria seu caminho sozinha, ou de forma autônoma ou prestando um concurso público... não há concurso público para escritores em estatais ou tribunais.

Eles teriam um caminho a traçarem sozinhos, pelo seu esforço pelo estudo.

Os artistas também têm o seu caminho, também com muito esforço e estudo, mas necessitam de muuuita divulgação, dependem que seu trabalho seja conhecido, num mercado altamente disputado. Felizmente, as obras de ambos são de qualidade, e Homerix não se sente nem minimamente envergonhado em divulgá-las.

A escritora disputa espaço na mente das pessoas que hoje está muitíssimo ocupada pelos apelos da informação. Muito se vê televisão, muito se navega em redes sociais, pouco tempo e vontade sobram para leituras. Afora isso, dentre os que se dedicam à leitura, muitos o fazem com obras de autores estrangeiros, o que faz com que as editoras também pretiram os autores nacionais (ou seria o contrário?).

O músico tem que enfrentar um mercado hoje acostumado a valorizar música e letra de baixíssima qualidade, mas de grande apelo popular. Ele lamenta essa situação e clama por um espaço em uma de suas melhores músicas, ainda do Los Bife', chamada 'Rádio Cabeça' (8) : 
Já se foi o tempo em que eu me preocupava em me expressar artisticamente
Já se foi o tempo em que o mais importante era ser criativo e inteligente
Nunca mais eu penso antes de escrever
Nunca serei popular, se eu não me vender

Homerix recebe de alguns amigos aquele elogio de "Papai Coruja, hein?!!", "Lambendo a Cria, hein?!", coisas do gênero. Claro que ele tem orgulho do trabalho dos filhos. Mas o que ele menos quer é se vangloriar disso. O que o "papai coruja" deseja, na verdade, com sua insistência, do fundo de seu coração, é que as pessoas conheçam as obras dos filhos e 'at the end of the day' (como dizem os brothers),  consumam, de alguma forma, o que os filhos produzem, e, se gostarem, que divulguem, iniciando assim, uma corrente do bem. Simples assim!!

O músico já tem o que vender e noutro dia teve a grata notícia sobre a indicação ao Grammy, a escritora já tem seus livros na praça, que felizmente estão sendo muito elogiados (9), o primeiro já está em 6ª edição, e o segundo na 3ª, mas ainda falta estourar. Homerix sinceramente acreditava que sua rede sozinha seria suficiente para esgotar as prateleiras. Má avaliação! Mas os livros chegam lá! Renata também faz um trabalho incansável de divulgação e já tem muitos fãs  declarados aguardando o terceiro livro. Muito legal!

Mas segue a luta! Homerix tem fé que os Cisnes Negros do Bem (10) aparecerão para seus dois filhos....

E eles poderão aparecer de algum contato de vocês!! Quem sabe!!


Homerix

9 comentários:

  1. Homero admiro você por ser esse pai exemplar dedicado aos filhos e a família...Você está no caminho certinho.Como não posso deixar de registrar a palavra de Deus diz assim: Bem aventurado o homem que não anda nos conselhos dos ímpios, não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores...pois o SENHOR conhece o caminho dos justos, mas o caminho dos ímpios perecerá Salmo 1:1-6 Bjkas Flavia Leal

    ResponderExcluir
  2. Homerix... assino em baixo e em cima de tudo que disse fazer e o que ainda fará pelos filhos. É sua estirpe de pai amigo e ligado e antenado...
    Paulus

    ResponderExcluir
  3. Marcelo Faissal Pinheiro20 de julho de 2012 17:20

    Homero, é realmente emocionante ver seu empenho para o sucesso de seus filhos. Parabéns pelo seu comportamento exemplar.

    ResponderExcluir
  4. To contigo e nao abro... sempre compartilho se depender de mim eles serao muito conhecidos...Abs

    ResponderExcluir
  5. Parabéns Homero!! Pelo seu blog, mas principalmente pela maneira como vc divulga o trabalho dos seus filhos. Abraços

    ResponderExcluir
  6. Obrigado, gente!!

    Pena que não posso agradecer ao Anônimo e ao EU, que eu não sei quem são!! Espero que voltem aqui!!

    Abraço

    ResponderExcluir
  7. Boa Tarde!

    Meu nome é Guaraciara e cheguei até o seu blog, após consultar no Google "emprestimo de cadeiras de rodas e camas hospitalares". fui direcionada para o Sr. Aroldo e cheguei uma postagem sua sobre ele. Porém, os números de contato não estão atualizados ou não consigo falar.
    O sr saberia me dizer se ainda existe este serviço e qual o contato? É para a minha mãe que devido a problemas vasculares e mal de parkinson está com a mobilidade comprometida.
    Agradeço desde já sua boa vontade.
    Meu nome Guaraciara Ribeiro (facebook com o mesmo nome - Guará), e-mail: guaragribeiro@gmail.com. Whatsapp: 980106268

    ResponderExcluir