-

sábado, 9 de maio de 2015

A Las Madres, La Flor

Em 2010, passei o Dia da Mães fora do Brasil. Estive em Buenos Aires!!! Foi muito bom!

Hoje, retomo um ritual desde então. No Dia das Mães, ofereço a todas elas uma lembrança de lá, nesta foto!
Trata-se de um magnífico ponto turístico, descoberto, por acaso, por Neusa, a mãe que me acompanhava.
Estávamos caminhando, longe dela, a caminho do Museu de Arte Latinoamericana, quando ela se virou e disse:
"O que é aquilo?" 
Nenhum de meus provedores de dicas portenhas se lembrara de indicar uma visita a esta impressionante escultura metálica, idealizada por um arquiteto argentino. Fiquei tão estupefato com a coisa que a máquina acabou caindo no chão, causando um leve desalinho na lente. Escangalhada, no sentido paulista da palavra!! Então a última foto que ela tirou foi a que compartilho com vocês, hoje!!
Seu nome oficial é Floralis Genérica e representa todas as flores do mundo. 
Popularmente, é conhecida como La Flor. 
Para alguns mal-humorados portenhos, é La Flor de la Mierda.
Muito porque cada uma de suas pétalas foi transportada pelas ruas da cidade, à época de sua montagem, causando um enorme transtorno. 
Esses argentinos não têm a menor sensibilidade!!






Nós a achamos maravilhosa!
Ela está na Praça das Nações Unidas, na Recoleta, desde 2002, portanto já tem 10 anos de vida!!!
É um gigante de alumínio e aço inox de 18 toneladas, que se fecha (isso mesmo) à noite, e abre em todo seu esplendor às 7:30 da manhã.
Um verdadeiro espetáculo!!!

Parabéns, Mamães do meu Brasil varonil!!!

Homerix Con Las Madres Ventura

12 comentários:

  1. Marcia Figueiredo9 de maio de 2011 15:46

    Quando ia para minha casa depois do trabalho em Buenos Aires (2002/2003/2004), passava sempre na frente desta linda rosa. Eu sempre amei esta rosa principalmente quando ela estava aberta porque indicava que o tempo estava lindo. É uns dos monumentos mais significativos que eu já vi. Desejo a todas mamães "Uma rosa com Amor".

    ResponderExcluir
  2. Gostei Homerix... meu filho que esteve em Buenos Aires deve ter visto... perguntarei a êle.
    Paulus

    ResponderExcluir
  3. Boa dica para passar o dia das mães... em Buenos Aires! Tá mais barato que ir pra um ressort no Nordeste!

    ResponderExcluir
  4. Também fiquei impressionado a primeira vez que vi essa flor! Passeando pelos parques e praças de Buenos Aires vemos muitas coisas interessantes, mas o que mais me chama a atenção é a disposição do argentino de aproveitar seus espaços públicos, o que não vemos muito por aqui!

    ResponderExcluir
  5. Obrigada pelo carinho,e é sempre bom compartilhar do seu blog,que sempre se faz lembrar de datas **dia das mães...
    TODAS AS MÃES..DE TODOS OS JEITOS..DE TODAS AS FORMAS..carinhosas ou não...presentes ou não...amigas...
    todas são mães!!!merecdedoras do carinho de seus filhos!!
    Parabens a todas nós!!Mães protetoras!
    um abraço pra vc,
    filho de Iracema!!

    Lady Dell

    ResponderExcluir
  6. Gostei, viu? Homerix.Principalmente do desfecho...fica uma dica para quando for a Buenos Aires!!

    ResponderExcluir
  7. A sensibilidade, não tem fronteiras nem bandeiras.
    Antonio Alvarez

    ResponderExcluir
  8. Grande Homero! Gostei muito, obrigado pelo presente.
    Everaldo França

    ResponderExcluir
  9. Todas as mães merecem uma flor, até mãe de argentino kkkkk! Lúcia Otero

    ResponderExcluir
  10. salve as mães!!!
    Todas elas merecem uma "flor"
    Paulus

    ResponderExcluir
  11. Homerix,

    Salve as mães, que nos educaram com princípios e valores, para não entramos nos esquemas de corrupção. Salve as mães, que nos ensinaram a ter paciência com esse (des)governo de 12 anos e nos mentalizaram a perseverança para acreditarmos que é possível transformar o Brasil numa Nação.

    ResponderExcluir
  12. Oi, Homero, os argentinos podem não gostar muito dela mas nós, os turistas, gostamos! É linda, especialmente em dias de sol, quando ela brilha e muito! Show.
    Abr grde

    ResponderExcluir