-

domingo, 24 de agosto de 2008

Conrado e Daniela

Deus me deu 2 sobrinhos
Que eu pouco papariquei.
Foram distintos os caminhos
Certos, errados, não sei!
                
Seus pés não sei se têm calos
Suas bocas, dentes do siso.
Mas é impossível não amá-los
Quando abrem aquele sorriso!

Conrado, revele o mistério!
E por favor, não me desminta:
Só decidiu virar homem sério
Depois de chegar aos trinta?    
                           
Marcou sua vida um fato:
Uma queda, muitas feridas.
Mas como convém a um gato,
Gastou só uma das sete vidas!                    

Traz agora à nova vida
A companheira de jornada.
Abandona a terra querida,
E vai botar o pé na estrada

De Dani pouco conheço,
Mas vejo que tem postura
Leva daqui meu apreço!
Bem-vinda à Família Ventura!
             
Daniela e Conrado irão bem!
Têm carisma e são espertos!
Que a terra de Obama e McCain
Os receba de braços abertos!

Com amor e união extremos,
A vida não lhes será ingrata!
Com vocês sempre estaremos!
Neusa Homero, Felipe e Renata