-

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Enfartes e Espetáculo

Pacaembu, 1958
Santos x Palmeiras
Em campo, Pelé, Pepe, Zito, Mazzola


Marcha da contagem
Santos 0x1 Palmeiras
Santos 2x1 Palmeiras
Santos 2x2 Palmeiras
Santos 5x2 Palmeiras
      Fim do Primeiro Tempo
Santos 5x6 Palmeiras
Santos 7x6 Palmeiras
Conclusão: 5 enfartes fulminantes (morreram, mesmo!!!)

___________________________



Vila Belmiro, 2011
Santos x Flamengo
Em campo, Neymar, Ganso, Ronaldinho Gaúcho

Marcha da contagem
Santos 3x0 Flamengo
Santos 3x3 Flamengo
      Fim do Primeiro Tempo
Santos 4x3 Flamengo
Santos 4x5 Flamengo
Conclusão: Santos é Espetáculo

_______________________________


Esses dois jogos rivalizam pelo título de Melhor Jogo de Todos os Tempos!

Não é possível lamentar um jogo desses, mesmo sendo santista.

Aí, vem um amigo meu flamenguista, e provoca:

Homero
Na qualidade de único santista que conheço, você terá a honra de receber minhas saudações rubro-negras!!!

Que jogo! Nunca antes na história deste país um time ganhando de 3x0 tomou uma virada dessas.... E em casa!

E o Neymar, hein? Joga bem, mas não tem condições psicológicas de se tornar um craque de verdade... Muito desequilibrado! Sem falar que é protegido pela arbitragem, bate tanto quanto apanha...

Eu respondi:

Já eu, tô tranquilo. Que jogo fantástico!

Agora me diga, como assim, 'Neymar joga bem...'???!!!
O que o Neymar podia fazer mais, além de dois gols, (um deles milagroso, antológico, inexplicável) dar passe pra outro, sofrer penalty, sempre partir pra cima, marcado por dois ou três ??!!
Fazer mais 3 gols?
Vocês exigem muito.
Isso beira a inveja!!

Jogo do Santos é assim, faz muito toma muito.
É sempre espetáculo.

E R10 resolveu jogar.
Estava inspirado. Aliás, o deixamos jogar. Com um meio campo com Arouca, Ibson, Elano e Ganso, sem nenhum brucutu como o Willians, nossa proposta é partir pra cima...

É por essas e outras que é difícil conviver com amigo flamenguista...

Mas o Flamengo está de parabéns, jogou com raça, foi buscar o resultado!



25 comentários:

  1. Acho que vale a pena registrar os comentários do Luxemburgo, que disse que o jogo desta quarta foi um dos melhores em que ele já trabalhou.
    - Foi muito bonito para o futebol. Fizemos história em um palco que só tem história. Tivemos tudo de um grande jogo de futebol. Parecia ping pong, só bola para frente e de um lado para o outro. Foi um dos melhores jogos que participei na carreira.
    O treinador confessou que pensou que o time perderia a partida quando o Santos abriu 3 a 0 e elogiou o adversário.
    - O time do Santos é muito bom, essa molecada é ótima. Vão jogar bola assim lá longe. Só tem como parar esses caras com uma bazuca. Neymar fez grandes coisas. Mesmo que tivéssemos perdido, eu iria para casa tranquilo.

    ResponderExcluir
  2. Ontem o peixe me ganhou de vez!! Espetáculo!! Uma pena esses meninos não terem feito essa proeza no ultimo jogo da seleção! Mas, eles vão melhorar muito até a copa!!!

    Symone

    ResponderExcluir
  3. O Neymar com a bola é um pânico generalizado! Só no segundo tempo o Willians conseguiu pegar o tempo da chegada dele para poder desarmar. Venceu a experiência, com certeza, e a calma de quem já ganhou uma copa do mundo e títulos pela Europa. Mas o jogo em si foi um reflexo dos dois times: dois ataques poderosos e duas defesas de m.

    ResponderExcluir
  4. Homero

    Lamento discordar em parte de você sobre "O Melhor Jogo de todos os tempos" e também gostaria de fazer uma correção do que lhe afirmou o rubro-negro de que "nunca antes na história deste País um tima ganhando de 3 x 0 tomou uma virada dessas ... E em casa!"

    Não faz muito tempo (ano de 2000), decisão da Copa Mercosul,o Vasco da Gama terminou o 1º tempo perdendo por 3 x 0 para o Palmeiras em pleno Palestra Itália, e virou no 2º tempo para 4 x 3, jogando boa parte do 2º tempo com menos 1 jogador, já que o Junior Baiano havia sido expulso, conquistando assim um título internacional.

    Além da virada espetacular do Vasco, a mesma ocorreu em uma decisão de campeonato internacional(os dois times focados), ao contrário do jogo de ontem, da 12ª rodada do Brasileiro, sendo o 9º jogo do Santos.

    Além do mais, nem sempre jogos com mais gols e alternativas de placar são os melhores jogos. Podem ser sim os mais emocionantes, mas nem sempre os melhores.

    Como exemplo e para não ir muito longe, a recente vitória do Barcelona sobre o Manchester United por 3 x 1 na final da Liga dos Campeões, foi um exemplo do que é um futebol jogado no mais alto nível de qualidade possível.

    ResponderExcluir
  5. Homerix,

    gostei de você ter resgatado uma partida antiga, de 58, pois na atualidade dificilmente um placar tem mais que 7 gols. (ao menos não me recordo).

    Vamos combinar, muitos jogos em geral tem sido "chatos". Mas esse realmente foi um ping pong, muito franco, direto, poucas faltas e muitos gols.

    Com 3X0, também achei que o Flamengo ia perder, pois foi tudo muito rápido. Mas o Flamengo continuava atacando e quase fez um gol quando do 2X0. Achei que se houvesse um 3X1, havia esperança. Mas felizmente foi além,.,,,,

    Não ficaria contente com a derrota, mas um empate estava bom, pois achava que esse ia ser o resultado. Ainda bem que não entendo nada...

    O que o Flávio colocou é verdade, a genialidade versus experiência e ataques versus defesas.

    Abração,

    ResponderExcluir
  6. Homero,
    Este jogo deveria custar tanto quanto duas entradas para ver Sir Macca na pista Prime (uma entrada para o Santos e outra para o Flamengo): Dois espetáculos.
    Neymar é impossível de segurar na bola. E acho que daqui a mais um tempinho ele vai acabar se acostumando com o peso da camisa da Seleção para a alegria da torcida.
    E o Ronaldinho? Observou a expressão facial dele quando, após o 1º gol do Fla, pegou a bola no fundo da rede do Santos, botou embaixo do braço e levou até a marca central? Foi como se dissesse: vamô lá pessoal... Tô a fim de jogo!
    Abraço,
    Ribor

    ResponderExcluir
  7. O Neymar fez um dos mais bonitos gols que eu já vi nesta minha longa carreira de peladeiro e arquibaldo. Creio que a meia-lua que ele deu no Angelim vai imortalizar o nosso bravo zagueiro, bem mais do que o gol que ele fez em 2009, contra o Grêmio, na decisão do Brasileirão. Parecido com o papel do Andrada no milésimo gol, Angelim viajará o mundo como exemplo de drible da vaca, coadjuvante privilegiado, cuja função será mugir em todas as línguas do planeta ante a iminência do golaço.
    A despeito do seu enorme talento, Neymar, o magnífico, ainda terá de comer muito feijão pra chegar a ser o deus que acredita já ser.
    Para tanto, deve vencer a máscara, driblar os cabeleleiros e, principalmente, aprender a enganar os juízes europeus, que não são pautados pelo José Roberto Wright, crítico da Globo, que vive de polêmica. Aquela encostadinha de leve do Willians só é pênalti do Oiapoque ao Chuí.
    Ainda bem que o adversário teve Elano que, para não repetir a cobrança feita na Argentina, quis garantir que a bola tomasse, ao menos, o endereço da rede. Quanto ao número de gols, ficou barato pra eles. Faltou aquela coisa inacreditável do Deivid quase na linha do gol, o impedimento absurdo marcado do Luiz Antônio na meia-esquerda, no primeiro tempo. E a chance desperdiçada pelo Tiago Neves, aos 45 min do segundo. Que jogão! Bem melhor que esse Palmeiras x Santos da idade da pedra do futebol, pré Holanda-74. Saudações rubronegras, Gico

    ResponderExcluir
  8. Caro Homero ,

    Foi um jogo "Santástico" digo fantástico. Para quem gosta do esporte, para quem sabe o valor do futebol para nos latino-americanos e para quem quer ver sempre justificada a máxima que o Brasil é o país do futebol o jogo de ontem a noite veio para reafirmar tudo isto e dar-nos esperança para os desafios futuros ! Excelente, lavou a alma de tanta coisa ruím que infelizmente temos visto no nosso futebol ultimamente !
    Um abraço ! MAURI BOSQUÊ

    ResponderExcluir
  9. Ronaldinho devia ter estado "a fim de jogo" nas Copas do Mundo, onde não jogou nada e nem estava a fim de jogar. Desde as copas, eu não acredito mais nele.

    Além do que, não vejo mérito nenhum do Flamengo em "contratar" o "melhor jogador do mundo". Legal é o Santos, que tem vários jogadores que surgiram no time e cresceram com o time.

    Eu não gosto disso de ficar contratando jogadores de fora. O time fica sem alma.

    É por isso que eu sempre digo "Torço pro Santos e para o Rogério Ceni." rsrs. Não torço para o São Paulo como time, mas para o Rogério Ceni sim. Jogador leal, que sempre jogou pelo São Paulo e nunca aceitou ofertas para sair.

    Acho que eu até teria alguma simpatia pelo Ronaldinho Gaúcho se ele tivesse aceitado a oferta do Grêmio e voltado para lá. Aí sim, ele estaria voltando para casa. Agora, pro Flamengo?! Foi pelo dinheiro? Mas dinheiro o Ronaldinho Gaucho já não tem de sobra?!
    Não entendi.

    Se o Flamengo tivesse um goleador vindo das categorias de base, eu poderia até torcer para o flamengo. Não tenho preconceito de time.

    ResponderExcluir
  10. José Augusto CARRINHO28 de julho de 2011 15:37

    E eu, recebi de um colega flamenguista, que se encontra temporariamente a trabalho nos EUA, o seguinte recado....

    " Caro Carrinho,

    Não consigo dormir na pequena cidade de Clinton, NJ. A torcida do Mengão está fazendo a maior algazarra. A imprensa americana só fala da acachapante vitória do mais querido, incompleto (o Airton não jogou) contra o Santos completo, jogando em casa.

    Ouvi dizer que Obama interrompeu as negociações sobre dívida interna americana para assistir o segundo tempo. A imprensa local informa que estão fazendo a maior festa na Casa Branca. "

    Abraço,

    Roberto da Silva Amorim


    E minha resposta...

    Pô Amorim.........acho que o resultado de ontem foi muito bom para o Santos....foi um excelente jogo treino...
    Temos 02 principais objetivos para a o atual Brasileiro...
    1 - Não sermos rebaixados....
    2 - Preparar o time entre Agosto e início de Dezembro para o ser campeão Mundial interclubes...

    Qualquer resultado diferente disto não nos interessa, pois ficar em 2o ou 16o lugar, na prática, dá no mesmo, uma vez que já estamos na Libertadores do ano que vem...
    É melhor que as falhas apareçam agora, com o R10, do que em Dezembro, com o melhor do Mundo......pode acontecer de o Messi acabar com o jogo, mas não termos a mesma moleza dada pela defesa do Flamengo....
    Assim , o Murici tem mais de 04 meses para armar novamente o time e estar pronto para ir a Tóquio...e convenhamos, o Brasileiro é um excelente torneio para treinarmos o ataque, meio campo e defesa....ainda temos pela frente...Fluminense, Corinthians e....o próprio Flamengo no Engenhão...
    Desejo que a torcida de Clinton ainda comemore bastante as vitórias do Flamengo, mas certamente o nosso coração estará batendo mesmo, em Tóquio....rumo à terceira estrela amarela....

    Abraços, Carrinho

    ResponderExcluir
  11. Bela lembrança a sua do 7 x 6 de 1958.
    Mas o jogo de ontem foi realmente excelente. Um futebol bem jogado de parte a parte.
    Sou flamenguista mas ainda no 1o tempo com 3 x 0 pro Santos eu já achava um jogão (mesmo irritado com o resultado).
    Um monte de craques em campo. Muito poucas faltas. Poucos passes errados. Neymar jogando muuuuito. R10 genial.
    Foi um belo duelo e qualquer um podia ter vencido.
    Os dois times mereciam sair de campo com 3 pontos.
    Destoando, nos dois times, as defesas. Mas convenhamos, é muito difícil uma defesa jogar bem tendo que encarar Neymar ou Ronaldinho inspirados e bem assessorados como estavam ontem.
    Tambem destoou a ridícula cobrança de pênalti do Elano. Acho que isso pode ter dado mais gás ao Flamengo e abatido um pouco o Santos. Talvez não.
    Não acho que tenha sido o melhor jogo de todos os tempos, mas dificilmente neste campeonato veremos outro melhor e mais emocionante.
    Claro que estou feliz e vibrando com a vitória do meu time, ainda mais sobre o campeão das Américas, mas não vou zoar os santistas porque sei que poderia ter sido 5 x 5, 5 x 6 ou 6 x 5.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  12. Neymar jogou bem, é um muito bom jogador mas precisa amadurecer como tinha escrito para você anteriormente. Estas comparações dele com Messi e, agora, com Ronaldinho Gaúcho é nocivo para ele. Ele é habilidoso, parte para cima, não tem medo de porrada, não pipoca mas em alguns momentos do jogo seu futebol se torna caótico já que dribla e faz virula em excesso. Precisa de alguém que ponha limite nele.

    Em suma, ele tem potencial para se tornar um grande craque mas pode virar um "Robinho", ou seja, apenas um bom jogador.

    Em relação ao jogo de ontem, as falhas das duas zagas foram gritantes mas, na minha opinião, duas falhas individuais foram fatais para o Santos:
    1- O penalty perdido pelo Elano. Se ele estava com problemas particulares ( foi dispensado pela namorada e o pai foi sequestrado) não devia ter batido.
    A perda da penalidade deu moral ao Flamengo pela cobrança ridícula e pelas embaixadas do goleiro.
    2-A apatia do Ganso que perdeu uma bola boba que propiciou o gol do Flamengo. Aliás, o Ganso tomou um dois comprimidos de Lexotan e um de Rivotril.

    Torci muito mais para o Santos do que para o Botafogo no jogo de ontem contra o Avaí. Vibrei muito mais com os 3 primeiros gols do Peixe do que com os 2 gols do Fogão do Caio Júnior (argh........).

    E o pior, parece que eles ganharam o título.

    ResponderExcluir
  13. parabens por recuperar o jogo de 1958

    Parabens pelo jogo de ontem e concordo com os comentarios do Flavio Antony

    Agora, Willian nao fez pemnalty, nem é brucutu

    Garanto que com ele na Selecao, o espirito seria outro. Aguerrido e lutador. E nao o apático apresentado na Argentina

    Alias, o que faz Elano na Selecao ?

    sds

    ResponderExcluir
  14. Chefe Homero
    Mesmo sendo seu fã, acho que o Santos ontem deu um nó em sua memória ontem, pois na decisão do Mercosul - ano de 2000, um jogo com uma importância muito maior, pois era uma decisão, o Vasco virou em cima do Palmeira, perdendo de 3 a 0 no primeiro tempo, ganhando a partida por 4 a 3 e foi um jogo fantástico e foi o campeão.

    ResponderExcluir
  15. Caro amigo I. Rodrigues
    Se notar melhor, notará que quem fez o comentário sobre 'a virada' foi o amigo flamenguista que criticou Neymar.

    Incorreção que o companheiro Renato retrucou, dando a mesma informação que você, coisa que somente vascaínos se lembrariam.

    Grande abraço e obrigado pelo comentário!!!

    ResponderExcluir
  16. Homero:

    Como Flamenguista, digo que este foi o melhor jogo que vi na vida. Parabéns pela lembrança de 1958, mas nessa época eu tinha somente 1 ano de idade. Realmente não me lembro.

    No mais, tenho que reconhecer que qualquer um poderia ter ganho. Como diz o espírito olímpico, o importante é competir, mas que foi gostoso sair com o 5x4 na Vila Belmiro, foi sim.

    De resto, repito aqui o que postei ontem no Facebook. Foi um jogão! O Neymar deu um show (reconhecido pelo próprio Luxa) mas o espetáculo ficou com o Ronaldinho (aliás, que falta!!!).

    ResponderExcluir
  17. Homero,
    Parabéns pelo Neymar. Mas infelizmente ele é só um de 11.
    Esse jogo foi o melhor que eu já vi em toda minha vida, se não fosse o Santos isso não teria sido possível.
    Saudações Rubro-Negras,

    ResponderExcluir
  18. Ok, é fato que o Vasco realizou virada semelhante em 2000, na final da Mercosul, mas vejamos o time do Palmeiras na época: Sérgio, Arce, Galeano, Gilmar, Tiago Silva, Fernando, Magrão, Flávio, Taddei, Juninho e Tuta. Resumindo, o Vasco virou um jogo em cima de um time que começa com Sérgio (goleiro reserva no Flamengo) e termina com Tuta (sem comentários). Ao passo que o Flamengo virou o jogo em cima de um time com Ganso e Neymar. Bem diferente, né?

    Mengo!

    ResponderExcluir
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  20. Olá Homero!

    Realmente foi um jogaço! Mas sem esquecer que a defesa do Santos vacilou demais como é que pode tomar tantos gols com o placar conquistado, pô com 3x0 mantém a posse de bola, faz o feijão com arroz até o fim da partida.

    Incrível a quantidade de comentários!rrsrsrs

    Quando o assunto é futebol todo mundo opina. rsrsrs

    A propósito adicionei em meu blog na seção "Blogs Recomendáveis" seu link. Confira você mesmo!

    Um grande abraço de um também alvi-negro. Sendo este Corinthiano!

    ResponderExcluir
  21. Homerix, assim que acordei no dia seguinte e me dei conta de que o jogo que vi não tinha sido um sonho, e que meu coração rubronegro havia resistido a tantas emoções, procurei o seus comentários no blog. Nada cimentei por estar ainda sem palavras, mas gostei da comparação com o jogo de 1958. E olhe que quase desisti do jogo quando o deivid perdeu aquele gol feito no primeiro tempo (me lembrou Neném Prancha, quando o jogador é ruim até o saco atrapalha). Só não fui dormir porque o Mengao, apesar de sendo surrado pelo Santos, estava jogando bem, do meio para frente (exceção do lamentável Deivid). E aí foi o que vimos e só bem tarde na madrugada consegui dormir e sonhar com Ronaldo e Neymar enlouquecidos e enlouquecendo a galera. Para resumir esse jogo só me ocorre uma expressão PQP!!!! Abs e sds rubro-negras Camargo

    ResponderExcluir
  22. Realmente aquele 7 x 6 foi épico e inesquecível. Eu estava pensando naquele jogo desde o
    jogo do Santos com o menguinho e foi com satisfação que vi o comentário no seu blog.
    Eu poderia lembrar também outros jogos épicos como as duas copas internacionais ganhas pelo Santos, (o jogo contra o Benfica em Lisboa e o jogo contra a Inter de Milão no Maracanã, aquele 4 x 2 e sem o Pelé) e o 7 x 4 contra o Corinthians num final de campeonato paulista.
    Afinal, todos foram grandes jogos e agora teremos que incluir este último, também, até pelo ESPETACULAR gol do Neymar.
    Abraço,

    ResponderExcluir
  23. Gilberto Santiago31 de julho de 2011 13:03

    Achei um pouco injusta a análise feita pela Esperantrix, afinal lá na Gávea está escrito "Craque o Flamengo faz em casa" para que a gente nunca se esqueça disso. Quase metade do nosso elenco vem das categorias de base ou foram jogadores que realmente alcançaram projeção no Flamengo (Wellington, David Braz, Williams, Airton, Renato, Luiz Antonio, Diego Mauricio, Negueba e outros que estão subindo de forma gradativa ao time principal), e estamos fazendo de tudo para não vender nenhum dos meninos que conquistaram a copa sub-20 no início do ano. Mais do que qualquer time o Flamengo sabe que o craque feito em casa tem o seu valor é só você ver a idolatria que temos até hoje pelo Zico. Tente lembrar de outro jogador que é lembrado com tanto carinho por uma torcida depois de 20 anos. A torcida do Flamengo tem um apego enorme seus "meninos" basta ver como ficamos indignados quando o Imperador (que estava presente na nossa conquista do Brasileiro 2009 e formado nas categorias de base do Flamengo) foi para o Corinthians e o tão falado Santos do seu comentário contratou o "nosso" Ibson (que alcançou projeção no Flamengo). Quanto ao seu comentário sobre o desempenho do Ronaldinho na Copa do Mundo de 2006 (ganhamos 2002 com ele em campo) eu nem concordo, nem discordo, porque - no futebol - a minha nação é o Flamengo.

    ResponderExcluir
  24. Eu que gosto de um bom futebol, mas sou cada vez menos fanático, mudei de canal no intervalo e passei a ver o melhor jogo da rodada.

    Curiosamente, assim como ocorreu com o seu Santos, o jogo do meu Palmeiras do qual mais me lembro foi um Palmeiras 3x 4 Corinthians, com desenrolar muito parecido com o do jogo de ontem. Perdemos o jogo mas saímos do Morumbi muito satisfeitos com o espetáculo, e olha que na época eu era fanático...

    Saudações futebolísticas!

    ResponderExcluir
  25. O Santos tem no seu DNA a prática de jogar e deixar jogar, o que converte seus jogos em inesquecíveis espetáculos. Em que pese a meritória reação do Flamengo, o "patrocínio" da defesa do Santos, que un muy amigo la clasifica como defensa tanga, es decir no tapa nada, tem facilitado o trabalho dos ataques adversários, de clubes posicionados na cobertura ou no porão da tabela de classificação. Os oitos gols sofridos em apenas dois jogos retrataram a enorme fragilidade de seu sistema defensivo, com repetição de erros e falhanços imperdoáveis. Ainda dá pra ser campeão do Brasileiro 2011, eu acredito. Basta trabalhar melhorias na defesa e com urgência.

    ResponderExcluir