-

segunda-feira, 24 de junho de 2013

Dan Brown Books

Acabo de ganhar Inferno de Neusa, mais um livro que vou ler de Dan Brown, e logo vi, no primeiro capítulo, que vou gostar tanto como os outros dois!!!

Veja minhas impressões sobre os dois primeiros livros. Mas tenha cuidado!!!

spoilers.
___________________________

O assunto é Dan Brown e seus dois principais bestsellers, ‘O Código Da Vinci’ e ‘Anjos e Demônios’. Antes de seguir lendo o presente artigo, por favor, classifique sua situação segundo os critérios abaixo;

a)      Se você já leu os dois, pode ler a lista abaixo, sem problemas, e veja que interessante;
b)      Se você leu somente um deles e não pretende, de jeito nenhum, ler o outro, também pode seguir adiante;
c)     Se você não leu, nem pretende ler, nenhum dos livros, tanto faz como tanto fez, pode continuar lendo ou parar agora;
d)      Se você pretende ler um, ou o outro, ou os dois, mas não dá a mínima por saber detalhes de um livro antes da leitura, também pode ler, mas não diga que não avisei;
e)     Se você pretende ler um, ou o outro, ou os dois, e fica p___ da vida quando um pentelho começa a desvendar partes de um livro, pare por aqui, não quero perder um amigo;
f)      Se você pretende saber quem eu sou, eu posso lhe dizer: entre no meu carro, na estrada de Santos  ..... ooops, essa é do Rei!

         Chegou até aqui? Passou pelo teste? Vai ler? Tem certeza? Então, vamos lá!

1.       Robert Langdom é acordado abruptamente e pedem que viaje;
2.       Ele somente se convence que deve ir após ver uma chocante foto;
3.       É levado a um local onde aconteceu um assassinato;
4.       O sujeito que o chamou é absolutamente seco e antipático;
5.       O morto é um homem idoso;
6.       O morto é um sábio;
7.       O morto tem no corpo pistas sobre o crime;
8.       O assassino é um brutamontes que agüenta muito sofrimento;
9.    O assassino não conhece seu mentor e se comunica com ele por telefone;
10.    O morto tem uma descendente direta que fala inglês com sotaque latino;
11.     A descendente chega logo depois ao local do crime;
12.     A descendente é uma esperta e linda especialista que ajuda decisivamente na investigação;
13.    A ação se passa em dois países europeus;
14.    Há uma seita misteriosa por trás de tudo;
15.    A igreja católica é o pano de fundo;
16.    Há uma miríade de códigos e mensagens cifradas;
17.    A investigação leva a uma profusão de visitas a igrejas e tumbas;
18.    Tudo acontece em mais ou menos 24 horas;
19.    Ninguém pára nem para tomar um cafezinho;
20.   Outros velhinhos são assassinados;
21.    A polícia não resolve nada;
22.   O assassino é assassinado;
23.  O mentor da trama toda é parte do time que está ajudando na investigação;
24.   Robert Langdom se apaixona pela descendente;
25.   Mr. Langdom não come ninguém, no máximo descola um beijinho!


Agora, as conclusões:

  1. Se você faz parte do da categoria a), tente adivinhar de qual livro estou falando!
  2. Se você faz parte do da categoria b), saiba: o livro que você não leu tem tudo a ver com o que você leu, mesmo assim, recomendo que o leia;
  3. Se você faz parte do da categoria c) ou d), e chegou até aqui, saiba: a  ação é intensa, as tramas são mirabolantes, o ritmo é alucinante, os livros são maravilhosos, vale a pena a leitura, você fica grudado e só pára de ler quando o olho não agüenta mais e se decidir ler, leia primeiro ‘Anjos e Demônios’ que foi o primeiro aser ecrito e, em minha opinião, é melhor que ‘O Código Da Vinci’;
  4. Se você faz parte da categoria e), não aceitou o conselho, não resistiu à curiosidade, chegou até aqui, e está p___ da vida, paciência, lavo minhas mãos, eu disse pra parar;
  5. Se você faz parte da categoria f), vai ficar difícil, meu carro não anda por aquelas bandas desde o milênio passado.

Quem leu o livro ‘O Código Da Vinci’ e viu o filme, ficou um pouco decepcionado, ao mesmo tempo reconhece ser difícil passar para a tela tantos detalhes, afinal são vinte e quatro horas resumidas em duas. Paradoxalmente, quem viu o filme sem ler o livro, deve ter boiado solenemente em algumas passagens, já que o diretor Ron Howard tentou passar para a tela boa parte dos detalhes. 

O mesmo diretor fez ‘Anjos e Demônios’, que é muito mais intenso que o primeiro. Ele aprendeu algumas lições e encontrou um melhor equilíbrio para poder atender a gregos e troianos. Inclusive colocou um final muito mais plausível!!!


3 comentários:

  1. Leio também O SIMBOLO PERDIDO...é muito bom.

    ResponderExcluir
  2. Gostei mais da adaptação do Codigo DaVinci que Anjos e Demonios.Espero que para a proxima adaptação, que sera O Simbolo Perdido (sem Ron Howard), escolham melhor a protagonista. Enquanto lia, imaginava o vilão Mal'akh como o Armie Hammer (ele vai ser o novo Lone Ranger no cinema). Caso nao tenha lido ainda, leia, vc vai gostar muito.

    ResponderExcluir
  3. Caro Homero:
    Já lí o "Inferno". Confesso que achei um pouco cansativo. O melhor, para mim, foi "Anjos e Demônios". Rafa e eu seguimos todos as pistas, em Roma e foi sensacional!!! Apesar de conhecermos o cenário de Florença, achei um pouco extenso demais.
    E você, como está passando? Melhorou? E a tia Zulmira, está bem?
    Beijos em todos,
    Ana Clark

    ResponderExcluir